Pesquisar neste blogue

quarta-feira, 11 de abril de 2012

Um cheirinho a casa

Na segunda feira, encontrei brasileiros no regresso a Teramo.
Parámos para tirar uma foto, rodeadas de neve e havia um carro parado no mesmo sítio.


Comecei a ouvir um falar familiar e pus-me à escuta. Quando me dei conta que era português brasileiro perguntei a uma senhora (era uma família pareceu-me) se eram brasileiros. Disse que era portuguesa e perguntei se estavam de férias e a gostar, concordámos todos que Itália é linda. Nunca fiquei tão feliz por encontrar e ouvir falar brasileiro. Fiquei mesmo emocionada por, no meio do nada, naquele momento, ter sentido o meu país tão perto. Quando comecei a falar não me saiam frases com sentido porque pelo meio metia palavras portuguesas. Afinal tinha passado os últimos dias e horas a falar sempre e só italiano. Parecia uma atrasadinha a falar com eles, nem consegui fazer uma conversa decente. Bastaram poucas palavras trocadas para quase me sentir em casa, fiquei mesmo contente. Entrei no carro com as mãos a tremer e um sorriso na cara, incrédula.

2 comentários:

  1. gostei (:

    ( www.pinkie-love-forever.blogspot.com )

    ResponderEliminar
  2. Eu tenho a impressão que há portugueses em TODO o lado, acho que nunca viajei para lado nenhum que não tenha acabado por encontrar um português.
    Sabe bem!
    =)

    * * *

    ResponderEliminar

Muito obrigada pelas tuas palavras!