Pesquisar neste blogue

quarta-feira, 30 de abril de 2014

"Pessoinhas"


Há pessoas mesmo mal intencionadas, que estão constantemente em sentido de alerta, com todo o seu pessimismo pronto e sempre de língua afiada, pronta a criticar com o maior desdém tudo o que os outros façam. Pessoas a quem nem lhes passa pela cabeça que não há maldade ou má intenção ou pensamento nos outros. Estas pessoas vivem absorvidas por um mundo negro e obscuro, maldoso, rodeadas de espinhos, escárnio e maldizer. São incapazes de ter um pensamento livre, puro, são. Ou pelo menos assim fazem parecer.
Estas pessoas só estão bem a espezinhar os outros para se vangloriarem, a fazer o diabo a 4 à vida dos outros, por pura diversão e prazer - que nem devem senti-los porque não devem ser sequer capazes disso.
São "pessoinhas" aquelas que fazem questão de dizer que não é assim, que não é assado mesmo àqueles que não sabem como é e têm de lhe pedir a elas as instruções para fazer as coisas. "Não pense que isto é assim, aqui toda a gente faz tudo..."
E quando outros lhe perguntam ou pedem ajuda estão sempre prontas a um "Vá ali buscar, procure e faça você" mesmo que não saibam como e, por isso, estejam a recorrer a elas. 
São pessoas que se acham o centro do mundo por razões tão ignorantes que nem vale a pena tentar mostrar-lhes o contrário. Não seriam capazes de perceber. Vivem numa bolha de ilusão e narcisismo que nem lhes permite ver com clareza o que as rodeia.
São pessoas que, infelizmente, estão por todo o lado e com quem somos, muitas vezes, mesmo que não queiramos, obrigados a conviver. Sinceramente, e apesar de já não dever ser assim, este "tipo" de pessoas chocam-me. Deixam-me verdadeiramente descrente na humanidade, dececionada e realmente desiludida com os seres humanos. Só me levam à conclusão do quão triste é existirem pessoas assim, com as quais temos de(con)viver. E depois não consigo deixar de pensar que estas pessoas constituem família, têm uma e criam filhos e, Deus me perdoe se estou a ser injusta, mas será que não estarão a criar pequenos monstrinhos iguais a eles ou ainda piores para infernizarem a vida terrestre a qualquer um?!?

Sem comentários:

Enviar um comentário

Muito obrigada pelas tuas palavras!