Pesquisar neste blogue

sábado, 26 de fevereiro de 2011

Custa tanto

...sorrir quando a nossa verdadeira vontade é desatar a chorar.
Até que ponto compensará o esforço?
E a máscara do "está tudo bem" e a barreira de segurança que não deixa nem quer que ninguém se aproxime...
Dei-me conta que é exactamente o que faço: criar barreiras, uma fortaleza em meu redor para evitar magoar-me e desiludir-me e não mostrar o que sinto bem cá dentro realmente.


Sem comentários:

Enviar um comentário

Muito obrigada pelas tuas palavras!