Pesquisar neste blogue

quarta-feira, 25 de setembro de 2013

Abrandem os cavalos


O dia-a-dia é uma correria frenética. Ainda estou em adaptação, a tentar a concertação de hábitos, vontades e obrigações. Há muita coisa ainda por adequar, ajustar e organizar. O tempo voa e os dias escapam-se, sempre dum lado para o outro a tentar de tudo para que se volte ao equilíbrio e se alcancem objectivos. Muitas ideias, muita vontade mas ao mesmo tempo um cansaço que nos assola e a esperança...que nunca nos deixe de assistir. Assim será Natal num ápice, tou a ver. Deus nos ajude!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Muito obrigada pelas tuas palavras!