Pesquisar neste blogue

quarta-feira, 17 de agosto de 2011

Tempos modernos

Em três meses ou menos, a minha irmã (uma miúda nos seus 16 anos) vai no terceiro namorado. Isto depois de ter terminado um namoro de dois anos aproximadamente. De todos gosta mesmo a sério e quer ficar com ele! E a todos "ama"!!!
Já desisti de tentar perceber ou explicar ou fazer ver ou o que quer que seja. A miúda anda com as hormonas aos pulos, "descontroladas", só pode!
Alguém me explica/encontra justificação (para isto) porque eu cá não percebo?!
Não compreendo estas modernices desta juventude (entenda-se geração/mentalidade)!


A mim, o tempo, a vida e, principalmente, as pessoas, ensinaram-me e mostraram-me que é preciso muitas cautelas com o "gostar", "adorar" e, especialmente, com o "amar". Promessas e juras de amor eterno a mim ainda me assustam. Mas se calhar isto é só porque "gato escaldado de água fria (até) tem medo" e eu tenho umas quantas "escaldadelas"... Perdoem-me a incompreensão.

7 comentários:

  1. Eu sou tal e qual como tu.. tambem conheço umas quantas miudas, que passam a vida a trocar de namorado.. se por um lado nao entendo e não concordo nada com isso, por outro admiro a maneira delas de lidar com o final da relaçao e arranjar outra logo a seguir.. eu cá fico mal, a chorar pelos cantos e tal.. enquanto que elas rapidamente partem para outra e ta o assunto arrumado xD

    ResponderEliminar
  2. Pode ser uma espécie de "bounce relation". Há pessoas que quando acabam uma longa relação, sentem uma grande necessidade de iniciar logo outra para mostrar ao ex que seguiram em frente e para ajudar a esquecer. Não gosto muito, há sempre alguém que acaba por sofrer...enfim.
    Ou então serão mesmo as hormonas.
    Reparo que a palavra "amar" é cada vez mais usada e fora de contexto...quando por vezes é apenas gostar ou paixão. Mas em vez de terem cuidado e reflectir bem sobre o que sentem atribuem logo esses sentimentos ao "amor".

    Ou acabam por perceber isso ou começam a acreditar que o amor é um mito...

    ResponderEliminar
  3. A tua irmã não é caso único , menina , conheço mais gente assim +.+ basicamente , acho que ela se sente bastante frágil por ter terminado um namoro tão duradouro ( dois anos já é alguma coisa ) e está a tentar encontrar apoio em qualquer rapaz que lhe dê atenção . Mas isto é só o meu ponto de vista , pois não conheço a tua irmã , e muito menos sei o que se passa na cabeça dela :S

    ResponderEliminar
  4. Talvez ela esteja a tentar esquecer o de dois anos... De uma forma um 'bocado' má

    ResponderEliminar
  5. Hoje em dia é muito comum ver coisas assim, coisas essas para as quais também não tenho explicação ...

    ResponderEliminar
  6. Eu explico-te: ela tem 16 anos!
    E é com todos estes amores e desamores que vai aprender a diferença entre amar, gostar, andar, etc. Mas ainda vai demorar, porque tem 16 anos!

    ResponderEliminar
  7. Percebo o que dizem dela estar a tentar ocupar o seu tempo, cabeça e coração e de certa forma ser para ultrapassar a outra relação. É uma possibilidade, no fundo é isso que acho que se passa.
    Quanto ao que disse a LForever e o Paul, não podia concordar mais convosco. Eu sou muito assim!!!
    Paul, faço minhas as tuas palavras, acho mesmo isso. Há que medir as palavras e não andar a "disparatar" assim, senão a coisa acaba por perder a essencia, é a minha opinião!

    Beijo a todos

    ResponderEliminar

Muito obrigada pelas tuas palavras!