Pesquisar neste blogue

sábado, 29 de outubro de 2011

Ai que vontade!


Tenho andado, nos últimos dias, com uma vontade de por mochila às costas e correr o mundo (país) que nem vocês imaginam! Nem sei porquê, talvez porque quero fugir de tudo o que me preocupa e magoa mas também porque é um sonho meu que está a bater à porta como que com pressa de ser vivido. Era tão bom que conseguisse. Ia sozinha, por minha conta e risco, literalmente. Fazendo o que o vento na cara sugerisse, apanhava o primeiro transporte para o primeiro sítio que me parecesse interessante e deixava-me levar pelo sabor do imprevisível e não planeado. Conhecer novas pessoas, novos locais, viver coisas diferentes, novas que me pusessem à prova, que garantissem uma certa margem de risco, daquele que dá gozo. Ia desenrascar-me, arranjar memórias e histórias para contar e relembrar um dia mais tarde. Sem tempo nem horas nem obrigações... que sonho! Fazer-me à estrada, por-me a caminho, não sei de onde. Marcar eu própria o meu ritmo personalizado.

Arranjava um carro, pegava em algumas poupanças (para isso tinha de as conseguir ter) e fazia-o - era mesmo perfeito! Aposto que seria feliz durante muito tempo assim - quanto mais não fosse por ter tido a coragem de tentar e arriscar experimentar.

2 comentários:

  1. Gosto imenso do teu blog :) Tenho cá vindo todos os dias, e este post está muito bom mesmo. Também gostava de arriscar !

    ResponderEliminar
  2. Olá, muito obrigada, sê bem vinda à casa :)
    Um dia, se Deus quiser, ainda o farei!!!
    Beijinho

    ResponderEliminar

Muito obrigada pelas tuas palavras!