Pesquisar neste blogue

segunda-feira, 12 de março de 2012

Particularidades

Aqui, das 13h às 16/16.30h quase todas as lojas fecham para "sesta" se assim se pode dizer.


As ruas despem-se e praticamente não há vivalma fora de casa. 
Nem parece sequer a mesma cidade que, apesar de pequena, tem trânsito, enche-se de gente por todo o lado, barulhenta e jovem, vivaz. Nem parece a mesma. Parece que, durante aquelas horas, está tudo em casa escondido, a espreitar pela janela, atrás da cortina, quem tem o atrevimento de ir passear àquela hora.
Apesar de apreciar a vida que a cidade ganha com a quantidade de gente que tem quando grande parte vem à rua, não deixa de me fascinar sair de casa nestas horas, quando tudo está calmo, como que em modo stand by ou pause. De poder ver as portas dos estabelecimentos fechadas, a maneira como "crescem" os espaços quando vazios, como parecem outros, de conseguir desfrutar de um silencio que paira sobre a cidade... E tudo a plena luz do dia. É como se a cidade tivesse adormecido por umas horas.
Assim que tudo reabre, volta o rodopio, as gentes na rua, o barulho, a confusão. E já não é a mesma, juro que se transforma.

Não deixa de ser estranho para mim ter que me regular com estes horários, organizar os dias de acordo com estas particularidades mas faz parte de todo um processo próprio de adaptação que não deixa de ser curioso. Ao início fazia-me confusão, por vezes esqueço-me...faz parte!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Muito obrigada pelas tuas palavras!