Pesquisar neste blogue

quinta-feira, 25 de outubro de 2012

Alívio


O meu pai entregou todos os documentos que faltavam e finalmente lá chegaram depois de mais de uma semana desaparecidos algures sob a responsabilidade dos CTT. Já está tudo tratado por lá, resta-nos aguardar decisão. 

Ontem recebi a confirmação de que terei bolsa cá embora muito reduzida mas preciso mesmo desta ajuda e agora só tenho é de esperar que ma paguem porque não quero voltar a pedir dinheiro ao meu pai, não gosto e já não estou habituada a depender dos meus, faz-me impressão não ter eu o dinheiro e ter de o gerir para chegar para tudo e estes primeiros meses de aulas, em que não recebo bolsa é uma preocupação para mim. Por um lado por não ter a certeza de que a terei e por outro, e mais importante, por me sentir um grande encargo para o meu pai e não me sentir bem com isso.

Agora só rezo para que tenha a de lá também porque senão não conseguirei sustentar-me sem ajuda do meu pai. Só espero que não demore muito a ser paga porque tenho as propinas por pagar, não tenho dinheiro e não quero pedir mais porque não acho justo. Ainda assim, este ano será mais complicado. Mesmo que receba duas bolsas terei de pedir ao meu pai que me pague as viagens a casa (que já são tão poucas devido ao custo que comportam) e qualquer despesa mais elevada (como umas botas que preciso para este Inverno ou algum livro mais caro) porque, mesmo as duas juntas, chegarão para pagar o alojamento e as propinas e ficar com cerca de 100€ ao mês. Mais um desafio... o objectivo será não ter de pedir mais dinheiro ao meu pai (ou pedir o mínimo possível), fazendo tudo para poupar e sustentar-me como no ano passado...e no outro antes.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Muito obrigada pelas tuas palavras!