Pesquisar neste blogue

segunda-feira, 4 de março de 2013

Pois que amanhã já é segunda

Começa a nova semana e nem dei pelo fim de semana a passar. É como se se tivesse esgueirado sem eu dar conta, quando eu não estava atenta passou sem eu ver e bolas que num piscar de olhos já é segunda outra vez. Não fiz nada e não consegui descansar como queria, ficou tanto trabalho por fazer, tanto namoro para por em dia e agora nada! Mais dias sem tempo para nada, sem horas suficientes, com mais coisas do que deviam, sempre. E menos tempo juntos, menos horas dormidas, menos mimo e tanta falta. Não é justo! Não devia ser permitido ser assim...

A minha irmã teve cá e pude estar com ela, com ele também (mas tão pouco tempo para quanto o quero) e cozinhei, organizamos lá coisas, limpámos a casa. Mas depois não pudemos estar sós, ele trabalhou sempre, o (pouco) tempo que tivemos foi repartido por tanta coisa, outras pessoas, poucas horas e muito cansaço. Não consigo evitar lamentá-lo. Dormi nos seus braços duas noites e quase nem dei por nada, foi só cair na cama e ter de levantar logo a seguir. E assim custa tanto!


E pior é sempre a semana...
God bless me (us)!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Muito obrigada pelas tuas palavras!