Pesquisar neste blogue

quinta-feira, 23 de maio de 2013

Aqui estou eu

 
O meu pai chegou na sexta bem cedo e acabei por não aparecer nas aulas a custa disso: não o podia deixar sozinho, não é!? Levei-o a passear, mostrei-lhe lugares e coisas e estivemos juntos (eu, ele, a minha irmã e o G.) grande parte do dia.

A bênção já foi, no sábado. Foi uma manhã muito boa. De emoções, com o coração apertadinho, entre amigos, companheiros de viagem que fazem valer a pena. A família mais próxima marcou presença mas também foi a responsável pela minha tristeza pois nem ali foram capazes de se "comportar". Passei o resto do dia com ele e o meu pai, a fazer mil e uma coisas que não lembram a ninguém num dia especial.

O Domingo foi um dia difícil, precisei de dormir mais para poder trabalhar e, apesar do meu pai ainda cá estar, não pude estar muito com ele. Depois de almoçarmos juntos, o G. levou-o a passear enquanto eu fiquei em casa a trabalhar. Tinha uma apresentação na segunda de manhã e acabei por ter de fazer directa para a conseguir preparar. No Domingo à noite o meu pai voltou a casa.

A segunda não foi fácil e depois da apresentação estava de rastos. Dei por mim quase a dormir nas aulas a seguir ao almoço. Não tive hipótese e fui para casa, adormecendo quase imediatamente. Cerca de duas horas depois parecia outra.

A minha irmã chegou na terça à noite e ontem passámos a tarde juntas. Depois do jantar fui deixá-la com a minha mãe. Hoje não devo conseguir estar com ela. Logo à noite é a gala da faculdade, a última do quarto ano e espera-se muita diversão!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Muito obrigada pelas tuas palavras!