Pesquisar neste blogue

quinta-feira, 19 de setembro de 2013

Programa de sábado: Budha Eden

No sábado a minha mãe estava de folga e insistiu para que fôssemos aproveitar. O G. trabalhava à noite e então saímos cedo para passear: rumo ao Bombarral por volta das 10.30h. Confesso que na altura esta relutante em ir por me sentir ainda fraca e com algum mal estar/incómodo mas correu muito bem a viagem. Fomos pelas nacionais, sem muita pressa e chegámos ao destino: o Budha Eden.
 
Budha Eden

Confesso que fiquei abismada com a dimensão das coisas lá. Pra já o jardim/recinto é enorme e lá respira-se paz e depois as obras que lá estavam era diferentes de tudo o que estamos habituados e impotentes. Havia verde e sol em todo o nosso redor, com uma imensidão de perder de vista. Os monumentos budas eram enormes, alguns gigantes mesmo. Só tive pena de não saber o que muitas das coisas significavam mas foi uma tarde bem passada. Tinha um lago com gansos e patos, onde havia uma espécie de coreto para onde se ia por uma ponte por cima da água e colinas suaves e verdes, que nos faziam subir e descer descobrindo em cada recanto uma estátua, um símbolo, etc.

Saímos de lá e fomos procurar almoço. Já era tarde, quase 15h e por isso a escolha foi logo diminuída. Decidimos voltar a um local onde tínhamos estado e do qual gostáramos mas não nos atenderam porque estavam na hora de almoço. Mandaram-nos sentar quando perguntaram se ainda serviam, dizendo que iam já atender-nos mas ninguém lá foi nem nos explicou nada. Bastava dizerem-nos que esperássemos "x" tempo e seríamos atendidos mas não disseram nada, então fomos embora. 

Não sei bem como, demos com um lugar onde uma prima nossa tinha levado a minha mãe e acabámos por lá comer - e muito bem. Gostámos imenso, apesar de não ser facilmente para o nosso bolso neste momento. Os preços são razoáveis e come-se muito, muito bem. Além de que somos bem atendidos. 


O regresso é que já foi mais atribulado. Com o atraso no almoço já nos fizemos à estrada tarde e o G. trabalhava às 19h. Eu acabei por adormecer depois de pouco tempo de viagem mas, pelo que me contaram, voltámos a correr para a capital. Só me lembro de acordar com ele a despedir-se de mim e seguir para o trabalho e eu fui com a minha mãe ver um apartamento. 

Depois da visita ao apartamento, já era noite, quando voltámos ao carro. Não pegava, pura e simplesmente. Estávamos sem gasolina e nem sabíamos onde procurar, se havia alguma lá perto ou se devíamos ir para casa de transportes...não conhecíamos a zona e ninguém nos podia ajudar. 

Decidimos sair do carro e ir perguntar se havia alguma bomba perto, se não houvesse, iríamos até à estação de comboios para assim voltar para casa. Lá nos indicaram uma bomba, comprámos gasolina e voltámos para a por no carro e podermos voltar a casa. Depois disso, ainda fomos buscar jantar e ter com o G. que tinha intervalo para comer e comemos juntos.



Apesar de todas as aventuras foi um dia muito bem passado, gostei muito do passeio, recomendo o Budha Eden - é um lugar que transborda tranquilidade e beleza - e o almoço foi óptimo (polvo no forno)!!!

1 comentário:

  1. Fico feliz de te saber de volta e quase curada!
    Yuuupi;)

    Bom recomeço de ano letivo:) Boa Sorte para ti e para Ele...e umas sapatadas no rabo do gato para aprender a não ser menino feio:)

    jinhosssssssssssssssss

    ResponderEliminar

Muito obrigada pelas tuas palavras!