Pesquisar neste blogue

sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Calma, respira... pensamento positivo!

  • Segunda: tratar de reaver o livro que eu requisitei mas que ficou com uma colega que desapareceu sem deixar rasto.Tratar do trabalho escrito.
  • Terça: reunião do jornal. De imprevisto, a bateria do carro do G. descarregou e teve de ir comprar uma à pressa, pedir ajuda ao mecânico depois do expediente e colocá-la.
  • Quarta: entrega do trabalho escrito!!! Tratar da rubrica do jornal, conseguir desconto associado. Marcar fim-de-semana grátis.
  • Quinta: Juiz por um dia - o dia inteiro num tribunal.
  • Sexta: carro à inspecção. Reunião com colega de trabalho e, depois, também com a beneficiária do apoio. Viagem de Fim-de-semana.
  • Sábado: enviar artigo para o jornal.
 
Estou exausta! Já perdi a conta à quantidade de coisas que tive de fazer esta semana (e ainda tenho). Foi a última semana de aulas antes do Natal mas com ela veio o prazo de entrega de um trabalho importante e uma confusão tremenda (e estúpida) com as regras impostas, que me fez refazê-lo três vezes (sim, TRÊS!) - não podia estar boa da cabeça. 


Integrei uma nova equipa de trabalho e passo a colaborar num pequeno jornal daqui. Para isso tive reunião fora d'horas, avancei com uma ideia nova e ousada e, depois de aprovada, tive de tratar de a pôr em prática. Uma vitória já alcancei (consegui um desconto em determinado estabelecimento, pela mera apresentação do jornal!), agora tenho um artigo para escrever até Domingo mas vai ter de esperar porque tenho, para esta tarde, de preparar uma reunião com vista à resolução de um caso no qual irei ajudar, que faz parte de uma instituição solidária de apoio jurídico (da qual faço parte). 

Ligaram-me de uma agência de viagens/férias para marcar o fim-de-semana grátis que o G. tinha ganho há uns meses e, uma vez que tem como prazo limite de utilização o dia 20 e eu vou para a terrinha dia 18, teve de ser este fim-de-semana. Apesar de complicado, era a única maneira possível. Portanto, sexta, depois do trabalho, no final da tarde, fazemo-nos à estrada, com 4horas de viagem pela frente. Ainda ponderámos não ir porque não nos dá muito jeito, por causa do carro e dos gatos, de ter de ser tudo à pressa, de sairmos já tarde, depois de um dia cansativo de trabalho e porque temos coisa para resolver e fazer mas chegámos à conclusão que não seria saudável para nós se não fossemos, ou seja, que nos fará muito bem espairecer e fugir do ritmo alucinante em que andamos.


Ontem passei o dia num tribunal a acompanhar o trabalho de uma (duas) juíza(s). Tive de ir para a margem sul e encontrar o tribunal (felizmente contei com a ajuda preciosa da SL), estacionar (e gastar dinheiro em parquímetro), almoçar lá e ainda pagar a ponte mas valeu a pena!
Fui muito bem recebida, pude assistir a uma diligência, explicaram-me muita coisa, esclareceram-me dúvidas, partilharam comigo conhecimentos e experiências. Foi um dia muito rico em absorção de informação e conhecimento, que me fez voltar a ponderar muito seriamente qual o rumo que quero dar à minha carreira profissional. 



Foi também ontem que o G. recebeu um telefonema a avisar que sábado é o último dia para a inspecção do carro. Eu já lhe ando a falar disto desde o início do mês e ele nada fez, só quando já está em fim de prazo e porque, por sorte, lhe ligaram a avisar é que decide (não tem hipótese) tentar resolver o problema! Ora, como vamos de fim de semana ele não o pode fazer no sábado, só poderia hoje, de manhã, antes do trabalho. Claro que era a única solução de emergência, claro que isso implicou chegarmos ambos atrasados ao trabalho e, no fim, ainda implicou ter de levar o carro para o trabalho porque já não havia autocarros e tinha uma terapia às 10h. Isto fez com que eu não tivesse como tratar das coisas para a viagem agora, porque não tenho como ir a casa dele, mesmo tendo algum tempo livre. Portanto, fantástico. Isto para nem falar que o carro chumbou!!!! Já não há mais nada que não seja preciso (obrigatório) mudar naquela carroça. É um carro antigo, ok, mas só dá problemas atrás de problemas e está em muito mau estado...enfim.


Desejem-me melhor sorte para o resto da semana, estou mesmo a precisar! Pensamento positivo!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Muito obrigada pelas tuas palavras!