Pesquisar neste blogue

quinta-feira, 2 de outubro de 2014

Foi como se nada se tivesse passado


No final do dia daquela segunda, em que ela regressava de férias, engoli o orgulho e fomos ao aeroporto buscá-la. E, como seria de esperar, mudou de atitude da noite para o dia e agiu como se nada se tivesse passado. Assim resolve os mal entendidos ou arrelias... Também não serei eu a falar do assunto, não estou para fazer de terapeuta - já deixei de acreditar que podia mudar alguma coisa. Não se pode ajudar quem não quer ser ajudado.

2 comentários:

Muito obrigada pelas tuas palavras!