Pesquisar neste blogue

segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

Dramas de uma noiva #2

Pois que já andava a ficar preocupada porque não encontrava um vestido de noiva que me enchesse as medidas. Claro que é muito importante que não tenha um preço astronómico mas primeiro que tudo era necessário eu me sentir bem com ele. Eu achava muitos bem bonitos, até os experimentava, continuava a achar bonitos mas não tinham muito a ver comigo. Quando encontrava algo de que gostava, o que me faltava era o conjunto, ou seja, gostava de uma parte e não de outra, enfim...
Até sábado ter encontrado, na companhia da minha madrinha, um lindíssimo, que me encheu as medidas e pôs nos sonhos mas depressa me esvaziou as esperanças dado o preço. Além disso é único, não se pode mandar vir outro, tem uma característica diferente nos vestidos de noiva e teria de ser alterado. Apesar de ter um grande desconto por já ser único e não se fabricar mais, é caro, um exagero para mim, para se usar apenas por umas horas (mais de 900€) mas ainda não me saiu do pensamento.


Agora estou aqui em dilema, sem saber o que faça porque gostei mesmo dele. Com ele percebi que há mais uma característica pela qual tenho de procurar ou pelo menos que vai de encontro ao meu gosto e personalidade e para a qual ainda não estava alerta. Pelo menos isso!
A minha futura madrinha também encontrou um vestido lindíssimo, que lhe ficava a matar. Mas também não o trouxe, o preço é alto e não é fácil para nós, nos tempos que correm, decidirmos assim algo tão marcante sem ponderar bem tudo o resto.
Eu começo logo a fazer contas a tudo o que implica eu estar pronta além do vestido, como o véu, a lingerie, o saiote, os sapatos, cabelo e maquilhagem e já tenho um pequeno enfarte com os preços que se praticam. Isto sem falar em ramo e tudo o que vem por aí abaixo.
E agora? O que faço?

8 comentários:

  1. Olá,

    sabes que dificilmente encontrarás em loja um vestido muito mais barato do que isso. Porque não tentas mandar fazer?

    ResponderEliminar
  2. Ai, como eu entendo os teus problemas...
    Não conheces nenhuma costureira? Há costureiras que fazem vestidos de noiva mais baratos... levavas o modelo e ela podia fazer um semelhante...
    nem mais nem menos

    ResponderEliminar
  3. Tenta arranjar quem te faça o vestido. Ou procura em outlets! Ao menos agora já sabes do que gostas, o que procuras. Tenta esquecer esse, se realmente não o podes comprar, e ver outros que gostes sem fazer comparação com esse.

    ResponderEliminar
  4. Compreendo o teu dilema! Também acho os preços dos vestidos um exagero!
    Não sei se mandar fazer fica muito mais barato, mas é uma questão de encontrar uma costureira de confiança e pedir um orçamento.
    Se não te importares de usar um vestido em segunda mão, podes sempre tentar encontrar um igual ao que gostaste, mas em segunda mão. Há algumas noivas que vendem os seus vestidos e talvez conseguisses o vestido de que gostas a um preço mais em conta.

    ResponderEliminar
  5. Não estou mesmo por dentro dos preços dos vestidos de noiva, mas continua a procurar... talvez te surpreendas com outro modelo :)

    ResponderEliminar
  6. Nunca me casei, mas acho que se encontrasse "O" vestido e o pudesse pagar ia ter que ficar com ele, mesmo que tivesse que abdicar de alguma coisa. É mesmo essencial levares véu?

    ResponderEliminar
  7. Como há vestidos que gostas mais da parte de cima e outros da parte de baixo, aconselho (como já disseram) a procurares uma boa modista ou uma loja especializada em fazer vestidos de noiva por medida, dizem ficar muito mais em conta. Mas pede referências porque não é qualquer modista que faz um bom vestido de noiva e o barato pode sair caro!
    Em relação ao resto, basta ouvirem a palavra casamento para inflacionarem os preços (floristas, cabeleireiros, maquilhagem ...), tenta pedir orçamentos sem referir a palavra "casamento" ;)

    ResponderEliminar
  8. A minha mulher comprou em Ourém, num sitio onde os fazem, não foi propriamente barato, mas foi consideravelmente mais barato que esse...

    ResponderEliminar

Muito obrigada pelas tuas palavras!