domingo, 6 de maio de 2018

Obrigada Mana ♥

Não há mal nenhum que um beijinho de irmã não cure, não há vazo nenhum que um abraço de irmã não preencha, não há silêncio nenhum que um coração de irmã não entenda e não há dor nenhuma que um colo de uma mana não ajude a doer menos.


À minha mana, que sempre cuidou de mim como uma verdadeira mãe: que me ensinaste, me orientaste, me proteges e me abraças sem tempo nem datas marcadas, que és âncora e escudo, raiz e asas, que és pai e mãe quando a vida assim o obriga... Obrigada e feliz dia da mãe. Não mãe de ventre mas de coração, que é o mais importante.

1 comentário:

Obrigada pelas tuas palavras!

Desafios e Sonhos

É curioso aperceber-mo-nos que a nossa disponibilidade financeira tem muita influência na forma como encaramos as coisas - se formos pesso...