Pesquisar neste blogue

domingo, 12 de junho de 2011

De coração apertadinho


Não preciso de dizer muito para entenderes o que quero transmitir.
Não preciso de falar tanta vez, tu percebes-me e vês-me!
Não é necessário explicar muita coisa, porque tu sentes.
Não preciso de fundamentar porque tu partilhas a mesma opinião.

Isto é muito raro.
Além de que temos tanto mas tanto em comum... Serão apenas coincidências?
Seja o que for gosto muito. 

Fazes-me sentir especial. Dizes-me coisas lindas, és um homem à moda antiga em tanta coisa como eu gosto (e também sou "conservadora" em vários aspectos, outro ponto comum). Pensas e fazes planos para nós. Programas coisas para fazermos juntos...

Gosto muito de ti. 
Agradeço, a quem quer que seja o responsável, por te ter colocado no meu caminho.


Sem comentários:

Enviar um comentário

Muito obrigada pelas tuas palavras!