Pesquisar neste blogue

domingo, 5 de junho de 2011

Hoje, de regresso a Lisboa


Tive, pela primeira vez desde Setembro de 2009 (que foi quando para cá vim), alguém à minha espera no aeroporto. Com uma rosa branca em punho e um sorriso encantador, recebeu-me com um olhar terno e num abraço apertado. Tinha o coração tão pequenino... sinto-me tão bem ao teu lado.
O tempo passou a voar desde as nove e meia até à hora do almoço e ele deixou-me.
O dia na capital está estupendo, muito sol.
Um passeio pela marginal, junto ao Tejo soube tão bem...
Gelados e queijadas no AMO-TE TEJO.
Ai que saudades que tinha deste homem! E da cidade também!


Ofereci hoje ao TEJO a minha aliança de namoro com o R.
Devia estar a estudar porque é isso que tenho e preciso de fazer mas o meu pensamento está-me sempre a escapar para a tua memória.

E tenho o coração apertadinho...

Sem comentários:

Enviar um comentário

Muito obrigada pelas tuas palavras!