Pesquisar neste blogue

quarta-feira, 22 de junho de 2011

Sim, ainda estou viva!

Ou pelo menos ainda por aqui ando.
Desde Domingo que regressei a Lisboa mas ainda não parei porque tive exame hoje e como o fim de semana não foi aproveitado para estudar tive de dar ao litro segunda e terça. Mas hoje, finalmente, já está mais um exame despachado!


No sábado, como vos tinha dito, saímos logo cedo de Lisboa e pusemo-nos a caminho de Castelo Branco. O G. veio buscar-me às 8h e passámos a apanhar a Ju. e o A. com quem seguimos viagem!
Eram 10.30h quando chegamos mais coisa menos coisa e fez-se bem o caminho, eu estou sempre melhor quando estou com ele... ! Eu fui com a Ju. para o cabeleireiro, juntamente com a I. e a L. que conheci na altura. Fui muito bem recebida por elas, pelos respectivos, já conhecia o V. da noite de tunas e pelos noivos, não me senti mal ou desconfortável, deslocada o tempo todo! 
Lá muito em cima da hora nos conseguimos despachar do cabeleireiro e fomos vestir-nos a correr (eu fui a última a ser penteada por isso tive muito mas mesmo muito pouco tempo para me arranjar e por pronta a sair) para seguirmos para casa da noiva a dar-lhe um beijinho antes da missa. 


Gostei muito do meu penteado, fiz uma coisa diferente do que as três fizeram e muito mais clean e simples mas adorei, acho que ficou giro, elegante, jovial e original! Estava um pouco relutante e arrisquei decidindo à última da hora o que fazer mas acabei por adorar mesmo. 
O G. estava charmoso e elegante sem estar de fato!
Fomos a casa da noiva e tirámos uma foto com ela, cada par/casal e fomos para a missa pouco depois das 13.30h (hora marcada). Foi uma cerimónia simples mas muito bonita, os noivos estavam (estão) mesmo apaixonados e emocionados. O G. não tinha lugar sentado a meu lado mas ficou atrás de mim e esteve sempre bem perto, ora ajeitava-me o vestido, ora o cabelo, ora dava-me a mão, ora fazia-me um carinho, ora segredava-me ao ouvido.  Na homilia o padre falou da mulher "virtuosa" e ele disse-me ao ouvido "tu és uma mulher virtuosa"! Enfim... Ai ai...!


Depois atirámos arroz aos noivos e amendoins e doces aos convidados e seguimos para a Quinta onde foi o copo d'água e toda a festa. Começámos a comer, primeiro com as entradas e depois, já na mesa, começámos a "almoçar"... as mesas estavam distribuídas por nomes de músicas engraçadas e nós ficámos os quatro casais todos juntos na "Pimba pimba". Foi muito divertido e um tempo muito bem passado a comer bem. Por volta das 19h acabámos de comer e começou o bailarico, vieram as fotos, já quase todos estavam muito alegres (eu estava bem sóbria), abrimos (a nossa mesa) a pista de dança e animámos a festa, isso podemos dizer!

Foi bem engraçado e diverti-me imenso.
Várias vezes fomos à rua, ver o por do sol, só eu e o G., outras vezes fazíamos comboios a dançar na sala, outras vezes íamos todos para a rua arejar e asneirar, rir e brincar, outras ficava sentada na mesa e ver a movimentação geral, apenas a observar...
A noiva estava linda, o noivo muito elegante, gente bonita, óptimo ambiente e muita boa onda e diversão e tinha sido um dia muito bom embora exaustivo porque nos entregámos à festa.

Foi um casamento lindo!


Partiu-se o bolo no jardim e houve fogo de artifício! Por volta da 1h voltámos a comer, foi o "jantar", já estávamos, no geral, mais mal dispostos, resmungões ou cansados e depois de comer fomos para casa os oito. Ficámos a dormir no apartamento dos noivos, chegámos rondava as 2h.
Estávamos tão cansados que fomos todos, pouco depois, para a cama. A distribuição dos quartos foi feita pelos casais, depois de namorarmos um bocadinho acabámos por nos render ao cansaço e dormimos... estava um bocado cheia e por isso não adormeci logo que fomos para a cama mas dormi bem. Acordámos ainda eram 9h e acabámos por adormecer mais umas horinhas até que rondavam as 11h e acordámos. Pelo apartamento ouvia-se bem alto música pimba bem animada, saltámos da cama, fomos abrir as janelas e cantávamos, dançávamos,...

Comemos, os rapazes foram buscar pão à rua enquanto tomávamos banho, vestimo-nos e arrumámos tudo, levámos as nossas coisas já no carro e fomos novamente para a Quinta do dia anterior onde almoçámos, isto já deviam ser 13h/14h. Depois de comermos e falarmos com os noivos com mais calma, no dia anterior mal os apanhávamos como já é normal nestas alturas... e saímos para a praia Fluvial de Fróia.


Gostei muito, nunca tinha ido a nenhuma e achei giro embora a água fosse realmente gelada (eu sou muito menina nestas coisas de entrar na água fria e custa-me) mas entrei e diverti-me, soube mesmo bem dar umas braçadas e brincar dum lado para o outro, fiquei logo estafada, estou mesmo fora de forma! Depois estendi-me ao sol a secar enquanto os rapazes jogavam à bola e as meninas conversavam. O G. foi para junto de mim ainda um bocado. Saímos da praia por volta das 18h para não chegarmos muito tarde a Lisboa. Mas ainda fomos à esplanada onde comemos uma bela tosta de frango e, então, fizemo-nos à estrada. Devia passar já das 19h.

Levámos, como para cima, mais ou menos 2h e meia até Lisboa, deixámos a Ju. e o A. e ficámos finalmente a namorar um bocadinho e ele disse-me que tinha ficado surpreendido comigo, que eu era mesmo fantástica e que me tinha saído muito bem e estado bem à altura do fim de semana, que era uma mulher fantástica... só coisas bonitas que me deixaram muito contente. Convidou-me para jantar ao Chinês mas acabámos por concordar e viemos cá a casa jantar, fizemos esparguete e hambúrgueres e desenrascou. Isto eram umas 21.30h quando subimos para jantar e já deviam ser quase 22.30h quando ele se foi embora para casa, logo depois de jantarmos... 



Sem comentários:

Enviar um comentário

Muito obrigada pelas tuas palavras!