Pesquisar neste blogue

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Dia de Todos os Santos

Dormi bem.


Acordei e pus-me a ler - e a quantidade de coisas que eu tenho para ler?! Nem vos digo nada, é que nem dá para explicar, é mesmo imenso e eu não costumo achar isto porque já estou habituada a ter muuuuuuuito para ler, mas este ano é demais!
Até quase às 15h andei de volta dos livros, sebentas e apontamentos. 


Por volta das 16.30h o G. veio buscar-me e fomos passear à Praia Grande. Estava já a anoitecer quando lá chegámos, demos uma volta, conversámos muito.
Ainda passeámos e subimos até parte da serra embora o tempo contado nos tivesse feito voltar atrás e vir embora - aquele lugar é lindo, adoro, é encantador, parece de outra época, retirado dum conto de fadas, sou apaixonada assumida por Sintra.


Fomos tomar chá (de Frutos do Bosque, completamente d-e-l-i-c-i-o-s-o) e comer uma tosta gigante (uma para os dois, muito boa) perto da casa dos pais dele, no "melhor café do mundo", diz ele.
Como sempre o tempo passou a voar, sempre com uma conversa muito fluente e interessante que já nos caracteriza, cumplicidade, simplicidade, naturalidade e um óptimo serão.

Às 21h ele deixou-me no ensaio do coro para a actuação de amanhã.
Sim, só fui a dois ensaios mas já vou participar da actuação mas estou muito contente e confiante, gosto muito das músicas e penso que correrá bem.


Saí às 23h e lá estava ele à minha espera de novo para me levar a casa. Levou-me jantar: um crepe chinês e galinha com amêndoas, de surpresa. "Assim pode ficar comigo", disse-me, senão teria de ir para casa para ainda jantar. Não estava nada à espera e fiquei encantada com aquele gesto - surpreendeu-me e deixou-me feliz.
Adorei o jantar improvisado, em cima do colo, à beira rio, dentro do carro, partilhando umas garfadas com ele - já que me tinha oferecido jantar também merecia ?!


Quase 1h quando regressei a casa.
Foi um dia de todos os Santos muito bom!
Continua a preocupar-me o facto de poder estar a dar-lhe esperanças vãs quando estamos ou combinamos coisas juntos e faço questão de lho dizer mas ele responde-me que já não consegue fazer de outra forma. Continuo, igualmente, a apreciar a sua companhia, a nossa relação a ser incomparável e fascinante como nos damos bem. Adoro estar com ele. 
Feitas as contas, no final do dia, foi um óptimo feriado!

Amanhã tenho aulas às 9h e ainda estou aqui! 
Ai ai a minha vida. Espero que tenham todos tido um óptimo feriado!

2 comentários:

  1. Sim, parece-me ter sido um feriado muito bem aproveitado! :)

    ResponderEliminar
  2. O teu feriado foi muito bem aproveitado pelo que vi. Estive a ver o blog e já me tornei seguidora :) passa lá no meu se quiseres!

    Anne

    ResponderEliminar

Muito obrigada pelas tuas palavras!