Pesquisar neste blogue

quinta-feira, 5 de abril de 2012

Noites em claro



Tenho saudades daquelas nossas noites, em que tanta vez esquecemos as horas, de conversas sem fim que resultavam num regresso a casa já quase de manha. Esses tempos agora aparecem tão longe… e ainda foram algumas noites, como sempre a teu lado, bem passadas. Deliciosas.

1 comentário:

Muito obrigada pelas tuas palavras!