Pesquisar neste blogue

terça-feira, 7 de agosto de 2012

Dias caseiros


Ontem o jantar foi em casa da avó, com direito a cantorias acompanhadas de guitarra e tudo mas voltámos para casa pouco depois das 23h para deitar cedo. 

Hoje acordei pelas 8.30h e preparei-me. Sai para casa da avó uma hora depois, comi lá com o G. e primas, sempre à espera da chamada do meu "superior" como combinado (que quando chegasse me ligava). Não me disse nada até às 11.30h, cansei-me de fazer tempo para ir trabalhar e voltei a casa, fiz compras, cozinhei com o meu pai e almoçámos (eu, a minha irmã, o meu pai e o G.). Até agora não me disse nada, mesmo eu tendo mandado sms (não quis incomodar nem ser inconveniente já que ele me tinha ficado de contactar). Oh Sorte! Continuo à espera...

Desde Domingo que não temos feito nada de especial, temos nos deixado estar por casa, feito as coisas que precisamos, com calma e sem horários. Depois de uma semana a todo o gás e de um ano em roda viva bem que precisamos abrandar ritmo, nem que seja por pouco tempo.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Muito obrigada pelas tuas palavras!