Pesquisar neste blogue

segunda-feira, 6 de maio de 2013

Amo-te


Por mais que me enfureça e que por vezes perca a cabeça quando o que menos precisas na tua vida é de não-calma com as coisas do dia-a-dia, por mais que eu deteste não saber o que fazer, como reagir perante as mil e uma situações que tens de enfrentar todos os dias, por mais que me doa saber que passas o que passas quando o que mereces é tão diferente (e melhor)...eu sei, no fundo, que tu ainda passas e sofres mais. 
Porque é como tu dizes (embora eu chegue a considerar injusto da tua parte): és tu quem está a passar tudo isto na pele, na primeira pessoa. Mas também é verdade que eu, pelo que te amo, também sinto tudo, tanto como tu, talvez não da mesma forma mas com tanta intensidade como se fosse directamente comigo. Afinal de contas passa-se tudo com a melhor parte de mim: tu.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Muito obrigada pelas tuas palavras!