Pesquisar neste blogue

segunda-feira, 30 de setembro de 2013

Sábado e mais uma mudança

Este início de ano lectivo tem trazido algumas mudanças.
Depois da saída do coro e inscrição (há muito desejada) na natação, agora há mais uma grande mudança na minha vida, que afectará concerteza a nossa.

Estivemos a organizar horários de maneira a podermos estar mais tempo juntos e ganharmos espaço para alguns fins-de semana (jantares e passeios). De acordo com o meu horário da faculdade, ele conjugou o horário do trabalho e das suas próprias aulas da faculdade. Agora a coisa mudou de figura. 



Ontem fui falar com um conhecido do meu pai para colaborar num restaurante que abriu recentemente. O que ele pretende de mim é que eu trabalhe o fim de semana - sexta, sábado e domingo. Como durante a semana estou em aulas, só ao fim de semana tenho disponibilidade para trabalhar. 
Preciso mesmo de ganhar algum dinheiro porque nem sei se terei bolsa e não tenho quem me ajude além do meu pai (que faz o que pode mas não me pode ajudar com muito). O início do ano é sempre aflitivo, deixa-me com os nervos em franja sem saber com o que contar, o que esperar, como será o ano. Além disso tenho sempre mil e uma coisas onde gastar dinheiro, vêm todas atrás umas das outras e não sei para onde me vire com tanta coisa que preciso de comprar (livros) para a faculdade e despesas de casa - festas e jantares de grupo/aniversário são de evitar ao máximo)! 

Ia com alguma expectativa e um pouco ansiosa por saber o que pretendiam de mim. Tinha pensado que faria algumas horas em dias/noites de maior movimento esporadicamente mas afinal precisam de mim dias fixos, no fim de semana e para trabalhar muitas horas seguidas.

Quando me apercebi da proposta que recebi (de trabalhar ao fim-de-semana) e do que isso realmente acarreta para a minha vida, percebi que muda tudo e desde aí que tenho andado a remoer e a ponderar se deveria dizer que não e deixar-me de invenções. mas ao mesmo tempo e por outro lado, como não sei como será o futuro (em termos financeiros), não me sinto em condições de recusar esta oportunidade de assegurá-lo. Este assunto anda a pairar sobre a minha cabeça como uma nuvem negra que não me deixa afastá-la e não me abandona a preocupação angustiante da falta de tempo para tudo e, principalmente, a tristeza da falta dele que adivinho...!

Como estou farta desta situação de incerteza e instabilidade económica (e por consequência, pessoal e académica) e esta foi a melhor e primeira solução que me apareceu e uma vez que tenho esta oportunidade, decidi ainda que com alguma tristeza e reserva agarrá-la, experimentar  e começo este fim de semana. 
Uma das raras excepções que abri para ir a um jantar de aniversário é de uma amiga da faculdade que agora já lá não está porque foi fazer mestrado noutro sítio. Fez anos no sábado (dia 28) mas o jantar será na sexta (dia 4) e já disse que ia - há vários anos que me convida e nunca vou porque nesta altura é ainda mais complicado gastar dinheiro num jantar mas como vou sempre ter com ela depois do jantar, este ano resolvi ir também ao jantar, achei que a ocasião e pessoa já o merecia.
Seria suposto começar a trabalhar na sexta mas como tenho o jantar e o responsável mostrou grande abertura, só começo no sábado para poder ir ao jantar. Sábado às 15h, lá vou eu ...trabalhar.


Sei que é uma coisa boa porque é a possibilidade de assegurar algum dinheiro para me manter a estudar mas ao mesmo tempo, não sei se serei capaz de conciliar a faculdade deste novo ciclo (que é bem mais exigente a nível de trabalho ao longo do semestre - já tenho montes de trabalhos por fazer e coisas para preparar, sem falar na matéria para ler, já apresentei exercícios e só estamos em duas semanas de aulas!), a natação a que me inscrevi (pela qual já paguei um trimestre) e as saudades que terei do mais que tudo porque teremos muita dificuldade em estar juntos (se estas semanas já têm sido más, nem quero imaginar o que aí vem)!

Só espero ter força suficiente para este mega desafio e pensava eu que depois da corrida final (sprint) para acabar a licenciatura este ano, teria mais tempo e disponibilidade!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Muito obrigada pelas tuas palavras!