Pesquisar neste blogue

quarta-feira, 7 de janeiro de 2015

Estado de tese II


Parece-me que terei mesmo de encarar a inevitabilidade do adiamento da entrega da minha tese de mestrado. É praticamente impossível conseguir fazer isto no tempo que ainda me resta para entregar até daqui a cerca de um mês apenas. Porque, apesar de num mês poder fazer muita coisa, não me lembrei que o orientador tem sempre de vê-la antes e com alguma antecedência - no caso do meu, mais de um mês antes da data limite de entrega. As minhas hipóteses estão muito reduzidas... [Eu e o meu mau péssimo vício de deixar tudo sempre para a última porque só funciono sob pressão!]

1 comentário:

  1. A minha orientadora também era assim e eu sou como tu, deixo sempre tudo para a última e em vez de entregar no prazo de um ano letivo só entreguei quase no final do primeiro semestre do ano seguinte e acabei por fazer a tese praticamente toda em 2 meses (tirando a parte dos resultados)! Vais ver que se conseguires dedicar bastante tempo, ainda entregas no prazo :)

    ResponderEliminar

Muito obrigada pelas tuas palavras!