terça-feira, 5 de julho de 2016

Há lá melhor no mundo?


Do que poder, no final de um dia cansativo, chegar a casa e encontrar a pessoa que amamos? 
As coisas mais simples e banais do mundo como jantar, ver um filme ou aninhar-se no sofá, tornam-se verdadeiros pedacinhos de céu, pequenos tesouros que queremos agarrar e guardar para sempre bem junto a nós. Para que não nos permitamos esquecer o quão abençoados somos, nas mais pequenas coisas.

5 comentários:

Obrigada pelas tuas palavras!

Mais um regresso e o Verão a chegar

Cá estou eu de volta passado quase um mês desde a última publicação. É o reflexo do que têm sido as minhas últimas semanas! Tive das semana...