Pesquisar neste blogue

segunda-feira, 29 de outubro de 2012

Finalmenteeeee!

Sim, finalmente, posso (e podemos) respirar de alívio por alguns momentos.


Esta manhã tive de ir deixá-lo ao trabalho e levar eu o carro à lavagem que ele tinha comprado a um preço muito reduzido num dos sites de promoções e ofertas especiais. Estava marcada para esta manhã desde o início do mês e ele tinha de trabalhar por isso tive de ir eu para que não fosse perdida a marcação (e o voucher). Demorou cerca de uma hora e um quarto - passada num café dos arredores a fazer contas à vida, organizar-me e tomar pequeno almoço económico.

Quando lá cheguei o carro (velho) parecia outro. Estava tão limpo como acho que só teve quando o compraram (há 14anos) mas o funcionário veio ter comigo muito aflito a dizer-me que tinha de ter muito cuidado porque, além de ter uma luz queimada, tinha o motor sem óleo absolutamente nenhum! Isto a juntar a um pneu sobresselente na frente, lado direito e o esquerdo (também da frente) com um furo lento que exigia irmos à bomba enchê-lo, por vezes, mais que uma vez por dia fazia deste carro uma verdadeira bomba-relógio. A qualquer momento podia ficar pelo caminho ou algo ainda pior. Sempre que se tentasse sair de manhã (atrasado para o trabalho) era preciso ir encher o pneu à bomba mais próxima (que era longe) e segurança era coisa que não dava para conhecer com aquele carro.

Hoje foi o dia. 
Depois da notícia do motor, quando fui buscar o G. ao trabalho, depois das minhas aulas, fomos directamente comprar óleo. Aproveitámos e trouxemos as luzes. O óleo foi logo posto no motor, assim que chegámos ao carro, a luz será colocada assim que haja tempo, o mais depressa possível. Quando ele me veio deixar passei-lhe para as mãos o meu cartão (que tem todo o dinheiro que consegui poupar até agora) e disse-lhe que já bastava, que fosse já à oficina aqui próxima, que já conhecia! Eram quase 18.30h mas ele foi e felizmente conseguiu mudar os pneus na hora, logo. Nem posso acreditar que este tormento e preocupação já terminou, ainda não vi, só me disse por sms que conseguiu. 

Mas que A-L-Í-V-I-O! Está resolvido finalmente, duma vez por todas!

Ele estava (esteve este tempo todo) à espera de receber (no final deste mês/ início do próximo) para poder por os pneus e concertar o carro. Melhor, os pais dele (donos do carro e responsáveis por ele porque eram quem o usava e lho deu) eram quem ia pagar os pneus e estava isso prometido há semanas mas ainda só deveriam conseguir lá para dia 11.

Já não temos de andar constantemente com medo de ficar pelo caminho, correndo sério risco de ter um acidente ou estragar definitivamente o motor. Já não era sem tempo!


Além da situação do carro, também já consegui pagar a minha propina em atraso e repor o dinheiro que tinha gasto (daquele que tinha de parte/poupado) até agora por não ter dinheiro nenhum de bolsa que não foi nada pouco porque recebi hoje o pagamento retroactivo da bolsa que me foi atribuída!
Faltam ainda as rendas em atraso que espero pagar nas próximas semanas (já com a bolsa do próximo mês).
É como se me tivessem tirado 200kg de cima, não imaginam o alívio e o descanso que é! Estou capaz de sair para a rua a pular de contente.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Muito obrigada pelas tuas palavras!