Pesquisar neste blogue

terça-feira, 16 de dezembro de 2014

Mais uma vez fora de casa...


No Domingo à noite, quando saíamos para o jantar de Mestrado, fechou-se a porta com a chave por dentro. Mais uma vez uma situação semelhante ao que nos aconteceu há uns meses, quando fomos para ali morar: eu saí quando ele já tinha aberto a porta, confiando que quem abre a porta por dentro, tira a chave (que está por dentro), fecho a porta e pumbas! Ficámos na rua, sem conseguir nem abrir nem fechar porque há outra chave por dentro na fechadura.
Não podia acreditar. Depois dos 60€ da multa de estacionamento no Porto, mais 60€ para esta brincadeira, perfeitamente evitável!?! Fiquei fula da vida, protestava por tudo quanto era sítio, além de que era um DOMINGO à NOITE, eu tinha o jantar, para o qual já estava atrasada tendo-me comprometido a ir...!
Fomos a uma farmácia de serviço pedir uma radiografia para tentar abrir a porta, o mais depressa que conseguimos mas não serviu de nada, não conseguimos, ficámos quase uma hora a tentar abrir a porta assim e nada. Resignámo-nos e chamámos as Chaves do Areeiro mais uma vez. Ficámos uns 40min à espera. O homem quando lá chegou, em menos de 10min resolveu o assunto, por 60€.
Foi mais um motivo de discussão porque eu não consigo compreender como era suposto aquilo não acontecer se ele não teve o cuidado de tirar a chave quando abriu a porta, porque já nos tinha acontecido antes! 
Mais de duas horas depois do início do mesmo, ainda fomos ao jantar...vá lá que a noite não foi totalmente perdida. Mas que me tiram estas coisas do sério, lá isso tiram, é mais forte do que eu! 
Isto é que foram umas prendas antecipadas jeitosinhas!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Muito obrigada pelas tuas palavras!