Pesquisar neste blogue

quinta-feira, 22 de outubro de 2015

Já o Natal?


Há meses (já lhes perdi a conta) que "penso" no Natal porque procuro reservar (e comprar) viagens para o passar em casa. Não está fácil. As viagens continuam, dia após dia, absurdamente caras e eu já nem sei o que fazer. Não dá para acreditar que me peçam mais de 500€ para passar fazer 1h30 de viagem de avião, nem 15 dias lá passando. Tendo em conta que somos dois, o preço duplica e com esse valor bem poderíamos ir para o outro lado do mundo. Se as novas regras de reembolso vieram para melhorar as coisas, também fizeram com que nas épocas altas as companhias peçam no mínimo o valor máximo reembolsável, sendo na maioria muito superior.
Não quero passar mais um Natal como o do ano passado, custou-me tanto estar longe dos meus, senti-me verdadeiramente miserável pela forma como as coisas se organizaram e aconteceram e já sofro com essa possibilidade. Não quero aquilo para mim, para nós, outra vez. 
Ele já me prometeu que se nos virmos obrigados a cá ficar não passaremos o Natal senão na nossa casa e quem quiser estar connosco é lá que terá de ir, não o contrário e assim não teremos de estar separados por caprichos alheios. É claro que isso melhora as coisas mas não me descansa nem apaga a memória do ano passado infeliz.
Deus nos ajude a encontrar forma de passar o Natal na minha terra, com os meus, este ano, por favor! Seria a melhor prenda de Natal do mundo.

4 comentários:

  1. Para mim Natal será sempre em minha casa com as minhas filhas e com os meus pais. O único Natal que passei fora da minha família foi com a família do meu marido, na ilha da Madeira, no ano em que casei, e as diferenças de costumes eram tão grandes que só me apetecia chorar. Jurei que nunca mais deixava o recanto da minha casa.

    ResponderEliminar
  2. Já ouvi/li uma série de desabafos deste género, de quem está a ver o preço de uma ida à casa no Natal em valores altíssimos... Deve ser muito complicado mesmo! Quanto às outras questões, só agora li o que aconteceu no ano passado - tenho ideia que ainda não conhecia o teu blog na altura - e realmente deve ter sido muito triste e frustrante para ti... Espero, sinceramente, que este ano as coisas sejam bem diferentes e que, seja como for, consigas passar um Natal bem mais feliz!!

    ResponderEliminar
  3. Nem imagino quão dificil deve ser :/ Mas tenho esperança que este ano seja melhor para vocês.

    ResponderEliminar
  4. Não desesperes, hás-de arranjar uma forma de este ano teres um melhor Natal. Natal é família, mas tu e ele são uma família. Beijinhos

    ResponderEliminar

Muito obrigada pelas tuas palavras!