Pesquisar neste blogue

sábado, 11 de fevereiro de 2017

O temporal da minha alma


Estou convencida que era capaz de chorar horas e noites, dias inteiros a fio. Porque aquilo que carrego dentro de mim deixa-me tão triste e faz-me sentir tão miserável que a minha vontade é desaparecer. Não aguento mais, não compreendo e não sei o que fazer. Sinto-me completamente perdida e impotente. Eu não sei onde é que isto vai parar. Não sei mais o que fazer, como agir, o que dizer. Já não sei o que fazer... Sei que assim não posso continuar mas não consigo ser diferente. Por mais que eu saiba que algumas coisas não estão corretas, não as consigo fazer de outra forma, parece que a minha cabeça não obedece à consciência e é mais forte do que eu. Tudo é um problema, tudo está mal, tudo está errado e nada é suficiente. Do nada se faz uma tempestade, com uma coisa insignificante tudo desaba e eu já não aguento mais, não consigo continuar assim e não sei como mudar, já não tenho forças.

5 comentários:

  1. Força ! Espero que tudo melhore rapidamente :)

    ResponderEliminar
  2. Espero que não interpretes mal o meu comentário e antes o vejas como o conselho de alguém que te quer bem. Mas já pensaste procurar ajuda psicológica? Não há mal nenhum nisso, apesar de ainda existirem ideias erradas e preconceito em relação à psicologia. Não é só para malucos! Acredito que te faria bem teres alguém com quem partilhar toda essa dor e esses pensamentos mais negativos. Às vezes só precisamos mesmo de alguém de fora, completamente isento, que não nos julgue, nos ouça e nos ajude a organizar melhor os nossos pensamentos e sentimentos. Como sei que estas coisas podem ser caras e nem sempre há essa disponibilidade financeira, procura numa faculdade de psicologia perto da tua zona. Não sei se será assim tão perto para ti, mas nesses sítios há consultas gratuitas ou com preços irrisórios calculados com base no IRS e essas coisas, tornando-se mais fácil investir nesse tempo para nós. Espero que tudo melhore rapidamente e, claro, se precisares simplesmente de um ombro amigo, cá estou :) Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Oh querida, fiquei com o coração apertado com este desabafo. Espero que encontres forças para enfrentar este temporal e que o sol volte a brilhar em ti!
    Beijinho!

    ResponderEliminar
  4. Um grande beijinho. E que tudo melhore!

    ResponderEliminar

Muito obrigada pelas tuas palavras!