Pesquisar neste blogue

sexta-feira, 7 de abril de 2017

Arrendar casa #2

No início da semana, depois de várias visitas e pesquisas, fomos ver uma casa que nos encheu as medidas. Foi a única que nos fez encarar a mudança de forma positiva e desejar mesmo fazê-la o quanto antes. As condições em que estava e as suas características (espaço, estado, "extras", localização próxima de onde estamos agora e o preço!) pareciam-nos mentira de tão boas que eram. Simpatizámos com o senhorio e ele connosco mas, tem de haver um "mas". No fim da visita foi sincero connosco e disse que tinha um amigo que poderia estar interessado na casa e, caso isso se verificasse, sendo quem é, dar-lhe-ia prioridade, afinal eram amigos. Nós ficámos conscientes, expressámos o nosso interesse em ficar com a casa e assim ficou dependente apenas da decisão de terceiros. Esperámos o tempo que nos pediram e a resposta chegou... a casa seria arrendada ao amigo.


Obviamente, quando nos contou aquilo, soubemos que estaríamos em desvantagem mas gostámos tanto da casa que a nossa esperança em ficar com ela, por mais que tentássemos contrariá-lo, era muita. Mas foi por água abaixo. Temos procurado, temos visto e feito tudo o que está ao nosso alcance. Ainda não apareceu nada mais que isto e já tivemos a primeira desilusão mas alguma solução se há-de arranjar.

4 comentários:

  1. Infelizmente arrendar casa em Lisboa é para lá de dificil...
    Seja pelos preços ou pela pouca oferta...

    Boa sorte para a Vossa demanda... Vão ver que vão conseguir arranjar uma casa que vos agrade...

    Já agora, e tentar arranjar perto do trabalho do teu marido? Não será uma opçao?

    ResponderEliminar
  2. Que pena! Mas tenho a certeza que encontrarão alguma coisa igualmente à vossa medida.

    ResponderEliminar
  3. Calma. Essas coisas acontecem. Aconteceu-me quando fui comprar casa a primeira vez. Mas depois descobri esta onde vivo que é bem melhor.

    ResponderEliminar

Muito obrigada pelas tuas palavras!